O ARTISTA

O artista plástico escultor J. Maciel é Pernambucano do Recife, J. Maciel iniciou sua trajetória profissional na década de 1980, quando conceituou todo o seu trabalho na preservação ao meio-ambiente através do desenvolvimento sustentável.

O artista utiliza como principal matéria-prima o metal, sobretudo, alumínio reciclado na sua fundição artesanal (de seu atelier ao ar livre, situado na Zona Rural do Bairro de Ouro Preto, em Olinda/PE), assim também como outros produtos que são reciclados para a criação e execução das obras esculpidas em diversos moldes e temas, retratando e imortalizando personalidades de diversos segmentos, agraciados com monumentos em múltiplos espaços da cultura do Brasil.

O QUE DIZEM SOBRE J. MACIEL

  • “Além de desenvolver o seu oficio como artista de sua época, Jurandir é um escultor capacitado a fazer bustos (retratos) de uma fidelidade acadêmica. Assim aconteceu com o magnífico busto de Waldemir Miranda, membro da Academia Pernambucana de Letras. Uma obra-prima, digna de um escultor italiano como Giacomo Manzú.”

    Francisco Brennand
    Escultor e artista plástico
  • “As esculturas de Jurandir têm uma bela modelagem e um desenho muito equilibrado que é quase musical na sua rítmica volumétrica. Acho Jurandir um Escultor sério e um artista consciente de sua missão. Transmiti essa opinião a ele e aconselho a prosseguir nesse caminho para a grandeza e o enriquecimento de nossa arte e de nossa cultura.”

    Abelardo da Hora
    Escultor e artista plástico
  • “Suas esculturas são elaborações espontâneas, trabalha com a forma humana, inteira ou em fragmentos, são imagens que estimulam o observador a uma contínua leitura. Alguns dos seus trabalhos apresentam sínteses abstratizantes, mas o conjunto mostra uma grande força simbólica. Enfatizamos também o seu grande domínio sobre os materiais como: concreto, argila e, principalmente, o bronze, e poucos conhecem o seu metier.”

    Fernando Lúcio
    Desenhista e escultor
  • “Havia encontrado um escultor que possuído pela força criadora, esculpe com o coração. Preocupando-se minimamente com seu valor artístico, deixando a critica só aplausos.”

    Alex Teixeira Barbosa
    Arquiteto
  • “Já conhecia há algum tempo (anos), a sua produção artística e aplaudia o seu pincel e sua palheta. Porém o que mais me impressionava o seu gosto pelo belo, sua assiduidade e necessidade de afundar-se no conhecimento de novas técnicas.”

    João Batista de Queiroz
    Profº da UFPE

CLIENTES E PARCEIROS

Governo da Paraíba
Governo de Alagoas